c Trambolhão: Os amores

terça-feira, julho 05, 2011

Os amores

Não te esqueças de mim!

Sou pequena, mas não me vês?

Estou mesmo à tua frente, roída de curiosidade.

Aqui, sim, anda mais um pouco.

À tua frente, dois passos para a direita e duas voltas pirueta.

Aproxima-te, vá não tenhas medo.

Sem hesitação.


.....


Toma lá dois tiros. E não reclames. Eras pequena, e agora és mínima. Não és minha, mas também não serás de ninguém.

3 Comments:

At 8:40 da tarde, julho 19, 2011, Anonymous Anónimo said...

Mesmo ou apesar dos tiros não posso deixar de ficar estupefacto com esta imaginação. Surpreendente!

 
At 10:51 da tarde, julho 19, 2011, Anonymous Anónimo said...

Amores ou desamores?

 
At 2:13 da tarde, julho 22, 2011, Anonymous Anónimo said...

final inesperado.. não és mínima, és grande

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home